22 lanchinhos que ajudam a queimar calorias


Fazer uma boquinha de manhã, de tarde e antes de dormir faz seu corpo queimar 10% a mais de calorias. Mas é preciso escolher o lanche certo! Acelere o metabolismo com lanches rápidos e magros entre as refeições! Quem diria... Um punhado de amendoim no meio da tarde garante estômago cheio por mais de duas horas, facilita a perda de peso e dá motivação para a dieta! Essas são as conclusões de um estudo científico inédito conduzido pela nutricionista Vanderli Marchiori, de São Paulo. O alimento, que já foi considerado um vilão do emagrecimento, conquistou lugar honra no cardápio de quem faz regime. Mas o mérito não é só dele, não! Coma mais, queime mais: Consumir comidinhas saudáveis entre as refeições principais e antes de dormir é um hábito que favorece o emagrecimento. "Quando você come cinco ou seis vezes por dia, o metabolismo acelera e o corpo gasta aproximadamente 10% a mais energia", explica a nutricionista Alessandra Kalaes. Isso significa que se a sua necessidade energética básica for de 1 400 calorias por dia, você poderá consumir até 1 540 calorias sem culpa, desde que espalhe esse consumo por pelo menos cinco refeições diárias. "Quanto mais variado o cardápio de lanchinhos, mais fácil é seguir em frente com a dieta", completa Cristiane Cedra, do portal A Nutricionista. Aproveite as dicas das especialistas e faça a sua boquinha! 3 motivos para fazer 3 lanchinhos por dia:

  • Longos períodos de jejum só queimam massa magra do corpo. Ou seja, em vez de perder gordura, você elimina músculos e água. Como efeito colateral, a pele fica flácida e é possível aparecer celulite;
  • As refeições principais das dietas não dão conta de suprir os nutrientes essenciais para o seu dia. Lanchinhos suprem essa deficiência e, de quebra, tiram a fome;
  • Indisposição e raciocínio lento podem acometer quem está de dieta. Os lanches acabam com isso.
Entre o café da manhã e o almoço (11h): Se você consome pão no café da manhã e arroz no almoço, evite carboidratos nesse lanche. Prefira opções ricas em proteínas, vitaminas e minerais:
  1. Um potinho de iogurte de morango (59 kcal);
  2. 1 picolé de frutas (52 kcal);
  3. Duas fatias de queijo branco + 2 damascos secos picados (133 kcal);
  4. Um ovo cozido + 1 cenoura pequena (100 kcal);
  5. Um pacote pequeno de frutas liofizadas ou desidratada (100 kcal);
  6. Uma pera + 1 colherada de queijo cotage (100 kcal).
Ideal para o meio do dia (15h): Em geral, a tarde é marcada por uma queda do nível de energia do corpo. Portanto, é a hora certa de fazer um lanche mais rico em carboidratos:
  1. Uma fatia de queijo light + 3 unidades de biscoito integral (93 kcal);
  2. Uma barrinha de gergelim (37 kcal);
  3. Um biscoito de goiabada (90 kcal);
  4. Quatro unidades de damasco, ameixa ou tâmara seca (80 kcal);
  5. Três biscoitos de cereais (92 kcal);
  6. Uma xícara (chá) de chá verde sem açúcar + 2 torradas light + 2 colheres de sopa de cream cheese light (130 kcal);
  7. Cinco unidades de cookies integrais pequenos (77 kcal);
  8. Um punhado (que cabe no centro da mão) de amendoim (100 kcal);
  9. Um pacote pequeno de bolachinha assada (100 kcal);
  10. Uma fatia de pão de centeio + 1 fatia de queijo cotage + 2 figos (100 kcal).
Antes de dormir (22h): Finalize o dia com algo leve e de fácil digestão. Se você sofrer de fome noturna e precisar de algo mais consistente, opte por palitinhos de cenoura ou fruta:
  1. Uma caixinha de bebida de soja enriquecida com cálcio (71 kcal);
  2. Uma caixinha de suco de maracujá (87 kcal);
  3. Duas colheres de leite em pó desnatado + água quente ou fria (70 kcal);
  4. Palitinhos de cenoura (16 kcal);
  5. 200 ml de iogurte desnatado (68 kcal);
  6. Uma porção pequena de fruta fresca. Ex.: maçã. (58 kcal).

LEIA MAIS IMPRIMIR ou SALVAR COMPARTILHAR ou SALVAR SALVAR PDF